Bem-Vindo(a)

Essa é nossa fonte de informações para você que vem conhecer o vale do catimbau...

Segundo maior parque aqueológico do Brasil

O parque nacional do catimbau é considerado o segundo maior parque arqueológico do brasil desde 2002...

Rico em espécies indêmicas

O vale do catimbau abriga várias espécies indêmicas do lugar sendo elas plantas, repteis, fungos...

Igrejinha, Galinha, Cachorro

A Igrejinha, Galinha e o Cachorro são algumas das várias outras formaçoes que abitam esse lugar...

Visite-nos

Entre em contato com a "ACOTURC" (Associação de guias do vale do catimbau) e agende sua visita. Fone:(87)3816-3052

Pousada

Hospedagem...

terça-feira, 28 de março de 2017

Artezão Buiquense tem representação na novela "A Lei do Amor" da Globo



Esteve no programa Encontro com Fátima Bernardes, o mestre escultor Luiz Benício, onde se apresentouna plateia. E logo mais a tarde, o artista buiquense esteve no Projac-Central Globo De Produções, gravando uma participação especial para o último capítulo da novela A Lei do Amor, que vai ao ar na próxima sexta (7)...

Para nós é um imenso prazer ter um representante de nossa terra em rede nacional.

LUIZ BENÍCIO
Nascido e criado em Buíque, no Sertão pernambucano, Luiz Benício nasceu em 1972 no Vale do Catimbau, lugar onde vive e tira inspiração. Benício é um dos representantes da arte sertanense em Buíque, esculpindo a vida do povo em suas peças de madeira.
Sua infância foi vivida na roça e quase não frequentou a escola. Sozinho desenvolveu suas habilidades. Aos 20 anos começou a desenvolver suas primeiras obras. Tem como matéria-prima a madeira, reaproveitando troncos e galhos mortos abundantes na vegetação no sertão.
Luiz Benício tem uma vida simples e seu ateliê é o quintal da sua casa de taipa.
A arte em madeira de Luiz Benício.

Luiz Benício, artista do Vale do Catimbau.

segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Progamação do Carnaval 2017 em Buique

          Resultado de imagem para carnaval 2017
Veja a programação do Carnaval 2017 de Buíque. Confira data, horário, endereço, atrações, vídeo, fotos e muito mais!

Cidade: BUÍQUE
Data: 25/02/2017

PROGRAMAÇÃO

SÁBADO 25

1 - ORQUESTRA  DE FREVO PERNAMBUCANO

2 - VAI DE 3
3 - MACIEL KURÉ
4 - ACADÊMICOS DA BAHIA
5 - VOA VOA,

DOMINGO 26

1 - ORQUESTRA  DE FREVO PERNAMBUCANO

2 - F5 RETRÔ
3 - OS FRAJOLAS
4 - HARRY ESTIGADO
5 - LÉO SANTANA

SEGUNDA 27

1 - ORQUESTRA  DE FREVO PERNAMBUCANO

2 - TURMA DA BREGADEIRA
3 - AS MENINAS
4 - MARRETA YOU PLANETA

TERÇA 28

1 - ORQUESTRA  DE FREVO PERNAMBUCANO

2 - NANARA BELO E SANTA DOSE
3 - OH SACODE
4 - HENRIQUE BARBOSA E BANDA
5 - MARROM BRASILEIRO
6 - MC TROINHA


Todas as informações sobre este evento são publicadas mediante a releases enviados pela organização do evento ou através de fontes seguras.


sábado, 21 de janeiro de 2017

Vereador do catimbau incentiva a importância do meio ambiente para a comunidade

 A limpeza das ruas são medidas simples que podem se traduzir em saúde e melhor qualidade de vida para todos.


Engana-se quem acredita que limpeza urbana é responsabilidade única dos governantes. Na verdade, é dever de todos os cidadãos zelar pela conservação das cidades onde vivem, das ruas, praças e parques. 

Não jogar lixo nas ruas, não pichar muros, fachadas e monumento, não depredar e não fazer de postes banheiro, são atitudes simples que contribuem muito para a qualidade de vida nas grandes, médias e pequenas cidades.

Pensando nisso a comunidade da Vila do Catimbau, portal do nosso querido Parque Nacional do Catimbau junto como atual vereador Euclides Siqueira, resolveram montar um mutirão de limpeza na comunidade a qual teve o objetivo de fazer a total limpeza da comunidade junto com os própios moradores alem de conscientizar os habitantes sobre a necessidade de cuidar bem do ambiente em que vivemos.

Os desafios vão além. Sabe-se que a poluição e as intempéries são outros fatores de degradação, que afetam não somente a comunidade mas todo o meio ambiente, animais, fungos, pantas e outros alem do total desconforto.

Surge ai um exemplo para que cada um de nós sejamos responsáveis por nosso e educadores dos próximos não sujando as ruas buscando sempre organizar sua rua seu lixo, para que juntos tornemos nosso lugar o melhor para viver.

Imagens da Ação:









quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

Morcego raro passa a se alimentar de sangue humano no Vale do Catimbau em Pernambuco


morcego-vampiro-das-pernas-peludos costumava se alimentar do sangue de aves / Foto: Enrico Bernard/Cortesia
Uma pesquisa feita pelo Departamento de Zoologia da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) descobriram um comportamento estranho em uma colônia de setenta morcegos-vampiros que vivem no Parque Nacional de Catimbau, em Pernambuco: esses animais, que geralmente se alimentam do sangue de aves, estão buscando a bebida também em humanos.


A especie, conhecida popularmente como morcego-vampiro-das-pernas-peludos, era catalogada pelos cientistas como um mamífero que se alimentava apenas do sangue de animais, como aves de grande porte.

Morcego da espécie Diphylla ecaudata, que normalmente se alimenta do sangue de aves

Antes, na América Latina, das três espécies de morcegos vampiros, apenas uma tinha sido registrada como um animal que consume de sangue humano. “Temos o primeiro registro do consumo de sangue humano pela espécie desse morcego vampiro”, afirma o professor Enrico Bernard, do departamento de Zoologia da Universidade.



Os pesquisadores acreditam que a caça de pássaros e os danos ambientais causados pela exploração humana sejam responsáveis por essa mudança de hábito. Com a diminuição na população das aves da região, os morcegos-vampiros estão sendo obrigados a encontrar novas presas – incluindo humanos.



Apesar da descoberta, o professor alerta que a população da região não deve entrar em pânico, mas é preciso tomar cuidados, pois a mordida do mesmo, uma infecção viral que afeta o sistema nervoso e é praticamente fatal. “Se for dormir ao ar livre, procure proteção, de preferência uma tela contra mosquitos para evitar também a mordida do morcego. Se for mordido, procure um um posto de saúde para receber a vacina antirrábica”, explica.

segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Dentistas levam o sorriso a crianças nesse natal em Buíque


Para falar do Natal, não existem segredos, basta olhar para dentro de nós mesmos. No Natal, estamos propícios a amar mais, ter mais carinhos, ser mais humano. É o que nos envolve, este Espírito Natalino. Mas vejamos o mundo num foco mais nítido.


Enquanto muitos comem peru festeja com suas familias trocam presentes,muitas pessoas apenas observam pela TV ou até mesmo não sabem que existe esse dia tão especial, um fato que ocorre muito no nordeste.

Para levar um pouco mais de alegria as crianças nesse natal a Equipe do consultório do Dr.Gustavo Lafayette e Dr.Thais Torres em Buíque criaram a campanha DOE UM BRINQUEDO E GANHE UM SORRISO onde arrecadaram vários brinquedos, entre eles carrinhos, bonecas e outros onde tudo foi destinado as crianças carentes do vale do Catimbau.

O movimento ocorre todo ano para saber como ajudar entre em contato conosco, faça você tambem parte dessa bela ação.









A megafauna e o Vale do Catimbau

O termo megafauna se refere a todos os animais de grandes proporções, mais especificamente, descreve os animais terrestres pouco maiores do que um ser humano que, em geral, não são domesticados. São incluídos neste grupo as espécies aquáticas gigantes, especialmente baleias; os maiores animais silvestres terrestres existentes, especialmente os elefantes, girafas, hipopótamos, rinocerontes e grandes bovinos; e também os dinossauros e outros répteis gigantes já extintos.
Imagem relacionada
Entretanto, quando se diz megafauna, a associação mais comum é o conjunto dos animais pré-históricos de grandes proporções que conviveram com a espécie humana, e desapareceram no final do período Pleistoceno, a Era do Gelo.
 Estes animais - muitas vezes maiores do que suas contrapartes modernas, como por exemplo o mamute -, foram extintos há 10,000-40,000 anos atrás.
Em Buíque-PE portal do Vale do Catimbau, foi encontrada uma grande ossada que com estudos indicou, ser de uma preguiça gigante, após os vestígios serem encontrados não descartamos a possibilidade da area conter mais fosséis como esse.
Observando-se algumas pinturas do vale conseguimos perceber que nelas foram registradas alem de pequenos animais, outros de percepção de grande porte, o que tambem pode indicar que possivelmente alguns desses animais ainda tenham vivido nesse lugar junto com as tribos que abrigavam o local.